Trabalhar na Europa

Uma coisa é certa: sair da zona de conforto só te traz benefícios. Morar fora é quebrar padrões, valorizar uma qualidade de vida totalmente diferente e priorizar muitos outros pontos que antes você nem enxergava. É ter força, paciência, resiliência e muita fé. Pois no fim do caminho, tudo isso é seu e ninguém te tira. Morar fora é se olhar no espelho e ter orgulho do próprio recomeço, independentemente do resultado final da jornada. Morar fora é reaprender a viver. É chegar em uma cidade e não entender o metrô, a máquina de lavar, os produtos no mercado e serviços locais, mas mesmo assim se aventurar. Morar fora é desapegar!

Como Trabalhar na Europa?

Na Alianza arrumaremos um emprego para você, o ideal antes de viajar e estar a par das mais recentes descobertas e práticas no seu setor especificamente no país onde estará indo.

Muitos brasileiros já estão à procura de oportunidades de trabalho para este ano, em países com moeda forte e economia mais estável. Sendo assim, geralmente os principais objetivos dessas pessoas é melhorar os ganhos financeiros e, consequentemente, proporcionar uma condição de vida mais interessante para seus familiares.

Atualmente, muitas empresas estrangeiras oferecem vagas de emprego, para trabalhadores brasileiros e de outras nacionalidades. Isso pode ser uma grande oportunidade para quem pretende trabalhar fora do seu país e conhecer novas culturas.

No entanto, antes de tomar qualquer decisão, é preciso estar atento às regras de contratação profissional no país de seu interesse.

Veja os principais meios para conseguir trabalho na Europa

Conheça algumas formas de trabalho na Europa.

Trabalhar em uma multinacional

Se você já trabalha ou pretende trabalhar em uma multinacional, deixe bem claro que você está disponível para trabalhar em outro país.

Além disso, procure estudar bastante o idioma do país que você tem interesse e se candidate às vagas internas da empresa direcionadas a Europa.

Participar de um intercâmbio

Alguns países oferecem programas de intercâmbio para brasileiros e outras nacionalidades, com a opção de trabalhar enquanto você estuda.

Sendo assim, isso pode ser uma boa oportunidade para conhecer o mercado de trabalho local e criar uma rede de contatos.

Veja os países que oferecem essa opção:

Providenciando os documentos

Os documentos solicitados dependem muito do nível de escolaridade e da vaga à qual você está se candidatando.

Mas de forma geral, as empresas costumam pedir o visto de trabalho, certificados, contrato de trabalho e teste de proficiência do idioma local.

Além disso, cada país tem regras específicas para contratar mão de obra estrangeira, por isso é muito importante saber todos os detalhes da vaga  para não ter surpresas desagradáveis no futuro.

 

Deixe um comentário